PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Prefeitura de Suzano confirma construção de duas novas escolas estaduais, nos bairros Miguel Badra e Quaresmeira

Na tarde desta quinta-feira (11), o prefeito Rodrigo Ashiuchi, confirmou junto ao Governo do Estado a construção de duas novas escolas em Suzano.
As novas unidades estarão localizadas no Jardim Quaresmeira e no Cidade Miguel Badra.
As escolas serão voltadas ao ensino fundamental II e ao ensino médio e terão capacidade para acolher 800 alunos cada uma. Ambas as unidades têm aprovação e liberação por parte da Fundação de Desenvolvimento da Educação (FDE), estando, inclusive, no cronograma para elaboração de projeto, licitação e início das obras.

Ashiuchi obteve a informação na sede da Secretaria de Estado da Educação, na capital paulista, ao lado do deputado estadual André do Prado, em uma reunião com o subsecretário Patrick Tranjan. As novas unidades estarão localizadas nos bairros Jardim Quaresmeira e no Cidade Miguel Badra.
No encontro, o prefeito suzanense também solicitou a criação de novas salas de aula em unidades municipais nos bairros Jardim Casa Branca, Jardim Quaresmeira, Vila Urupês, Cidade Boa Vista e Jardim Planalto, com o objetivo de ampliar o atendimento e contemplar as famílias que vivem nessas regiões.

Além disso, as autoridades protocolaram solicitação de nova escola para Vila Urupês e destinação do terreno atrás da Escola Estadual Tokuzo Terazaki, no Casa Branca.
“Nas imediações da unidade educacional há um terreno. Pedimos para que o Estado utilize o espaço ou nos libere para construção de uma creche, com 12 salas de aula, para educação infantil”, disse Ashiuchi.

Segundo Tranjan, as duas escolas, no Jardim Quaresmeira e no Miguel Badra, seguem para criação de projeto, passarão para licitação e, em seguida, serão iniciadas as obras.
“Suzano vai ganhar duas escolas estaduais e também acolhemos os demais pedidos, como os de salas de aulas”, disse o subsecretário, que, na oportunidade, representava o secretário estadual de Educação, Rossieli Soares.