PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Morre aos 101 anos Paulo Pereira de Carvalho, último expedicionário de Mogi das Cruzes

Morreu neste domingo (16), Paulo Pereira de Carvalho, considerado o último expedicionário de Mogi das Cruzes e combatente da 2ª Guerra Mundial.
O pracinha morreu aos 101 anos, no Hospital Luzia de Pinho Melo, em Mogi das Cruzes. De acordo com informações, ele estava hospitalizado após sofrer uma queda e fraturar duas costelas, que perfuraram o pulmão. O caso evoluiu para uma pneumonia, que provocou a morte.

Nascido em 1921 na cidade de Cristina, Minas Gerais, se mudou com a família para Mogi das Cruzes aos 12 anos. Após servir o exército, foi convocado para combater a 2ª Guerra Mundial pela Força Expedicionária Brasileira (FEB).

Ao retornar para o Brasil abriu um restaurante em São Miguel Paulista e foi proprietário da Pizzaria Maracanã e do Terraço Paulo, tradicionais estabelecimentos de Mogi das Cruzes.

Trajetória

Paulo, ao longo de 78 anos, foi reconhecido como um “herói de guerra”, com outros expedicionários, como Miled Cury Andere e Benedito Bernardino. Ele também foi presidente do Rotary Clube de Mogi das Cruzes por 30 anos, entre 1964 e 1965, e ocupou o cargo de presidente da Associação dos Expedicionários Mogianos por três vezes.

Em 2018, Paulo recebeu a Medalha da Vitória, concedida pelo Exército, com publicação no Diário Oficial, em reconhecimento aos serviços prestados à Pátria.

Em 2019, numa iniciativa do vereador Otto Rezende (PSD), recebeu o título de Honra ao Mérito ao lado de Miled Cury Andere, falecido em 2021.

“Esse título é a expressão do reconhecimento do povo brasileiro e mogiano àqueles que integraram a Força Expedicionária Brasileira. Eles merecem o eterno reconhecimento da nossa comunidade. Esses homens são o símbolo vivo da vitória da democracia sobre o nazismo e fascismo, regimes totalitários”, disse o vereador Otto na ocasião da homenagem promovida pelo Legislativo mogiano.

Paulo deixa um legado de quatro filhos, sete netos e seis bisnetos. Seu corpo foi velado na manhã desta segunda-feira (17) na Câmara Municipal de Mogi das Cruzes e seu sepultamento ocorreu no Cemitério São Salvador.