PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

“Ação e oração pelas vítimas do Rio Grande do Sul”, por Padre Claudio Taciano

No sul do Brasil
a água invadiu,
alagando de um jeito que nunca se viu.
No Rio Grande do Sul, contrastando com céu azul, a chuva persistiu e muitas casas destruiu.

Nos hospitais e nas escolas.
Nos Parques e nas Jardins.
A água  muito subiu,  que muita coisa nem se viu.

Idosos e Adultos, Jovens e crianças.
Choram e pedem a Deus com muita esperança.
Lágrimas e orações
Chuvas e trovões.
Lamas e infestações.
Sobram interrogações.

Famílias corajosas
Se unem caridosas.
Tentando enfrentar o sofrimento do lugar.
Terrenos alagados
Irmãos desolados
Um cenário de terror.
Mas a gente pede a Deus com muito fervor.

Tamanha tristeza que só o amor acalenta.
Nesta hora a oração se torna partilha, tornando todos uma família.

Ó Deus, nesta tormenta
Seu povo espera e deseja.
Que a vossa mansidão, mude esta situação.

Ó Deus de bondade, sois nosso regate. Amparai nossos irmãos que estão nessa condição.
Sem desanimar vamos nos empenhar.
O pão partilhar, os brinquedos doar para crianças brincar.

Nos momentos difíceis
Atitudes invisíveis.
Realçam o amor que ameniza a dor.
Pessoas anônimas,
com muita discrição.
Ajudam as outras com sacrifício e doação.

Ó Deus da verdade.
Tirai a maldade.
De quem se aproveita da situação.

Dezenas de mortes,
Não há quem não se comove.
Mas uma fé do tamanho do grão de mostarda, uma montanha move.

Jesus, nosso Senhor,
Sofreu e até chorou.
E a sua santa mensagem,
O mundo transformou.

Por isso, nesta hora,
Confiamos em Jesus
Para que no meio da escuridão, ele seja nossa luz. Amém

Que Deus conforte e abençoe todas a vítimas do Rio Grande do Sul.

(Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do HojeDiario.com)