Caio Cunha faz o lançamento oficial do Mogi Cidade da Criança – Primeira Infância

PUBLICIDADE
    

O prefeito Caio Cunha apresentou na manhã da última quinta-feira (01), o Programa Mogi Cidade da Criança – Primeira Infância, política pública intersetorial com foco no desenvolvimento de uma cidade amigável à infância e à Primeira Infância. Pela iniciativa estão em andamento diversas ações na cidade, como os Espaços de Brincar e a elaboração do Plano Municipal da Primeira Infância (PMPI). Além disso, Mogi também será uma das primeiras cidades no País a ter uma Coordenadoria da Primeira Infância.

“Não temos como falar da Mogi do futuro se não pensarmos em como desenvolver e potencializar os mogianos do futuro. A Primeira Infância é uma pauta prioritária e multisetorial. Todos os elementos da cidade precisam ser projetados visando um ambiente favorável para que as crianças possam se desenvolver da melhor forma”, disse o prefeito. O programa está relacionado ao Projeto Mogi 500 anos, ações que preparam a cidade para daqui a 38 anos, promovendo um desenvolvimento sustentável e preparando as próximas gerações.

As ações realizadas na cidade contam com a parceria da Fundação Bernard Van Leer, instituição holandesa, responsável pela Urban95, iniciativa internacional que no Brasil reúne 23 cidades brasileiras com foco na Primeira Infância. A cidade faz parte da iniciativa desde julho de 2021. Este trabalho conjunto resulta em conexões com outras cidades, formações, apoio institucional e oportunidades de desenvolvimento.

A vice-prefeita Priscila Yamagami Kähler destacou a importância da parceira e o papel da educação na iniciativa.
“Em Mogi, temos esta importante parceria da Urban95, que possibilita essa troca de experiência com outras cidades e também faz a gente pensar pela perspectiva da criança. Esse olhar para criança também já está presente na educação. Desde o ano passado iniciamos a política de aprender em comunidades com o programa de Educação Humanizada e o desemparedamento da infância, em que todos os espaços das cidades são educativos”, disse.

Plano Municipal da Primeira Infância

A cidade conta com um Comitê Executivo, formado pelos secretários, e um Comitê Técnico, com profissionais das pastas. O grupo é responsável pela elaboração do Plano Municipal da Primeira Infância (PMPI).
“É um plano intersetorial que reuniu diversas frentes e traz metas e estratégias para atendermos a Primeira Infância. Foi feito um diagnóstico dos serviços oferecidos para a criança em diferentes setores. Ele corrobora o que já temos em andamento e apresenta novas propostas em prol das crianças. Um diferencial também é trazer o olhar e a voz delas”, disse a secretária municipal de Educação, Patricia Helen Gomes dos Santos. O plano terá a duração de 10 anos.

A apresentação do programa foi feita pelo secretário de Planejamento e Urbanismo, Claudio Rodrigues. Além do plano, são desenvolvidas ações estratégicas, como o Espaço de Brincar, e os bairros amigáveis à Primeira Infância. A ação foi desenvolvida no Jardim Aeroporto e no Conjunto Habitacional Bezerra de Melo, em Jundiapeba.
“O projeto do Jardim Aeroporto é o piloto, em que vimos as potencialidades do bairro e ouvimos as crianças, pois são elas que caminham por ali todos os dias, vão até as escolas e a unidade saúde”, contou o secretário.

Em Jundiapeba, o conjunto habitacional passou mais de 20 anos sem atuação do poder público.
Provocamos as crianças a transformar o espaço e despertar outras relações, estimulando o livre brincar e o contato com a natureza”, disse Rodrigues. Outra ação do programa será a implantação do Parque Naturalizado, no Jardim Planalto. O projeto foi apresentado à comunidade, que pode contribuir com novas ideias para o espaço.

Para envolver as crianças na construção das políticas públicas para a Primeira Infância, a Administração Municipal criou o projeto Detetives do Nosso Bairro, em que serão selecionadas 24 crianças que irão representar os 11 distritos da cidade no Comitê de Crianças para o Desenvolvimento Urbano Sustentável.
“Neste trabalho da gestão em preparar a próxima gestão, esse processo de escuta é fundamental. Pelos desenhos eles apresentaram a cidade que eles querem. É um olhar de fato para a criança e o seus desejos para a construção da política pública”, disse o secretário de Planejamento e Gestão Estratégica, Lucas Porto. Os representantes serão sorteados na primeira quinzena de dezembro.

Vagalume

Na área de saúde, a Prefeitura apresentou um novo conceito de atendimento da saúde infantil, o Vagalume. A nova unidade de saúde terá como grande diferencial o aumento da capacidade de atendimento. A capacidade será de 11 mil atendimentos ao mês, superando a capacidade de 6 mil do Pró-Criança. Haverá ainda o aumento de 50% no número de consultórios e pontos de inalação, além de uma sala para crianças com Transtorno do Espectro Autista e Ambientes Lúdicos.

Para as próximas ações, o Mogi Cidade da Criança – Primeira Infância prevê a inauguração de uma nova creche em Jundiapeba, atividades no Espaço de Arte e Cultura em Cezar de Souza, o projeto Criamundo para a escuta e acolhimento de crianças em alta vulnerabilidade e a Escola Viva Jundiapeba, que já está em construção. 

Participe do canal “Clube Hoje Diário” no Telegram, é totalmente grátis

Temos um convite para todos vocês que acompanham o site HojeDiario.com, conheça o canal “Clube Hoje Diário” no Telegram.
Lá, vocês terão acesso a notícias fresquinhas, vagas de emprego, informações sobre concursos públicos, entretenimento e muito mais.
Ofereceremos sorteios, promoções e cupons de descontos especialmente para membros do canal.
Lembrando, para participar do canal Clube Hoje Diário, É TOTALMENTE DE GRAÇA.
Para participar, basta você ter Telegram e acessar o link https://t.me/clubehojediario.

Deixe um comentário

Send this to a friend