Foto: Prefeitura de Poá/Rodrigo Nagafuti
PUBLICIDADE

Poá registrou, entre o início de 2017 até o dia 21 de março de 2022, o nascimento de 5.656 crianças. Entre essas, 344 não tiveram a certidão de nascimento assinada por seus pais, segundo a Central de Informações do Registro Civil.

PUBLICIDADE

O levantamento foi organizado e disponibilizado no Portal Transparência do órgão pela Associação Nacional dos Registradores de Pessoas Naturais (Arpen-Brasil). O registro de nascimento é feito apenas no nome da mãe quando o pai se recusa a assinar ou não comparece no cartório. No ato do registro, a mãe pode ainda indicar o nome do suposto pai ao Cartório, que dará início ao processo de reconhecimento judicial de paternidade.

Os anos com maior registro de crianças com pais ausentes foram 2017 e 2021, quando foram registrados 1.106 e 1.107 nascimentos, respectivamente. Em ambos os anos, 71 crianças não tiveram o nome do pai em sua certidão. O ano em que houve menor número de registros de ausência paterna foi em 2018, quando de 1.077 nascimentos, apenas 65 não contaram com a presença do nome do pai.

Segue os dados de 2017 até 2021:

  • 2017: Nascimentos – 1.106; Pais ausentes – 71;
  • 2018: Nascimentos – 1.077; Pais ausentes – 65;
  • 2019: Nascimentos – 1.014; Pais ausentes – 66;
  • 2020: Nascimentos – 1.141; Pais ausentes – 59;
  • 2021: Nascimentos – 1.107; Pais ausentes – 71.

Por enquanto em 2022, foram registradas 211 crianças em Poá, das quais 12 não tiveram o pai presente na assinatura da certidão de nascimento.

Pais ausentes no Brasil

O Brasil registrou 14.067.055 de nascimentos desde 2017. Deste total, 775.602 foram crianças com o pai ausente. A região campeã de pais que não registram seu próprios filhos é o Sudeste: foram mais de 275.410 certidões assinadas sem a paternidade confirmada.

2017 ainda foi o ano com menor número de pais ausentes, tendo apenas 82.348 registros. Para efeito de comparação, em 2019 foram 168.440 registrou de ausência paterna, um aumento de 104% em relação ao ano de menor registro. Desde então, os número não se mantiveram abaixo de 160 mil, apesar do número de nascimentos ter diminuído de 2017 até 2021.

Em 2022, já foram registrados 540.579 nascimentos em todo o país, dos quais 36.616 foram registrados no Cartório sem o pai.

Participe do canal “Clube Hoje Diário” no Telegram, é totalmente grátis

Temos um convite para todos vocês que acompanham o site HojeDiario.com, conheça o canal “Clube Hoje Diário” no Telegram.
Lá, vocês terão acesso a notícias fresquinhas, vagas de emprego, informações sobre concursos públicos, entretenimento e muito mais.
Ofereceremos sorteios, promoções e cupons de descontos especialmente para membros do canal.
Lembrando, para participar do canal Clube Hoje Diário, É TOTALMENTE DE GRAÇA.
Para participar, basta você ter Telegram e acessar o link https://t.me/clubehojediario

PUBLICIDADE

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui